Casamento na Grécia I
maio 7, 2017

Casamento na Grécia II

No mês de março estive três vezes na Grécia.

Por morar na Inglaterra e ver sempre o tempo chuvoso e cinza, quando chego a Santorini, parece que as cores estão em explosão diante de mim. Eu consigo ver todos tons de verdes, azuis e amarelos que a maioria das pessoas nem notam que estão lá!

Nessa terceira vez, vim comemorar meu aniversário, meu marido me surpreendeu com uma viagem de presente. Mas… havia uma única condição, eu não deveria arrumar trabalho e sim, passear. Isso pra mim soa como castigo porque a câmera é a extensão do meu braço. Sem ela parece que falta uma parte de mim!!
Bom, concordei, fiz as malas e quando estávamos saindo, eu falei com o Thiago que levaria a câmera, afinal eu me recuso a ter fotos de aniversário, feitas com celular! Ele concordou mas disse:  “1 câmera, 1 lente, 1 cartão de memória e só!”. Ok, você venceu! Uma câmera com a 24-70 dá pra me virar bem e fazer umas fotinhas.
Chegamos a Santorini com um frio de matar, mais do que na Inglaterra. Mas como isso é possível? A primavera já começou, mas era noite e eu não via nada da paisagem. No dia seguinte, o céu abriu num azul espetacular, eu vi a ilha toda coberta por flores amarelas. Como um tapete carinhosamente colocado sobre os campos onde geralmente há um capim dourado e seco. Eu fiquei paralisada quando vi. Lembrei que só tinha uma câmera e nenhum casal para fotografar.
O jeito era me conformar e realmente curtir meu aniversário, minha primeira vez de turista na Grécia. E foi o que fizemos por dois dias, meu marido e eu passeamos, eu mostrei a ele cada cantinho da ilha, os lugares onde gosto de comer, de fotografar, onde gosto de levar meus clientes e principalmente onde fotografo as noivas!
Acontece que… lembrei de um casal em lua de mel que estaria na ilha no dia do meu aniversário e conversei com a Renata, a convidei para tomarem um vinho conosco a tardinha.  Ela estava gripada e desanimada por causa do frio, mas acabamos nos encontrando na vinicola e do vinho fomos até o jantar conversando e passeando pela ilha. O meu Thiago e o Thiago da Renata se deram super bem e já marcamos um passeio para o dia seguinte.
Sem nenhuma intenção de fotografar um casal naquele maravilhoso tapete de flores amarelas, eu mandei uma mensagem pra Renata, sugerindo que ela colocasse uma roupa especial pois quem sabe, talvez… faríamos algumas fotos rapidamente. Saímos pra passear e “por acaso” eu dirigi exatamente até o campo de flores, que pra completar ainda tinha um lindo cavalo esperando e pedindo pra ser fotografado. Como negar? Como ser cruel com um animalzinho tão simpático??
Bom, o resultado são as fotos mais coloridas que já fiz, que me deram de presente o que todo fotógrafo quer, registrar o amor de um casal, num  lugar lindo e mágico como a Grécia!
Obrigada Renata e Thiago, pelo melhor aniversário dos últimos anos!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

BeTheme WordPress Theme